[ como cheguei aqui... ]

Sempre tive gosto por essa história de mexer com chocolate... Várias das receitas que uso até hoje são inspiradas em sobremesas da minha família, isso quando não preparo exatamente como sempre fizeram.

Resumão? Entrei na faculdade de Gastronomia com 17 anos, no Senac. Foi só trabalhando em restaurantes que descobri que não era bem isso que queria... Próximo palpite, confeitaria. Daí pra frente, trabalhei em confeitarias como a Sucrier e a Chocolat des Arts e o caminho vingou.

 

Fiz cursos de especialização em sobremesas e gelatos na Itália e de bombons na escola da Barry Callebaut. Fui também culinarista na Editora Panelinha, da Rita Lobo. Estudei jornalismo gastronômico em Toronto, no Canadá.


Pra quem não sabia, tive uma loja física por alguns anos - e essa aí à direita sou eu, na semana em que a loja abriu. Um tempo atrás, optei por trabalhar apenas sob encomenda e renovar a nossa Addolcire. De lá pra cá, desenvolvi receitas de bolos, docinhos e tortas para atender eventos - de aniversários infantis e casamentos a encontros com amigos.
 

foto: Cristiane Sena - Editora Globo

foto: Thays Bittar

Se quiser saber mais sobre meu caminho, é só seguir minha página no Instagram. Lá, você vai encontrar tudo que tenho preparado! Aqui, você vai ver com mais detalhes o Menu com as opções e sabores do que faço e meu Blog, que ainda está engatinhando, mas é o cantinho onde irei escrever sobre receitas, eventos que participei e tudo que me der vontade.

 

Ah, se você me acompanha desde a época da loja, sabe que lá dei alguns workshops sobre bombons e ovos de Páscoa. Como gostei dessa pinta de professora, já adianto que estou desenvolvendo alguns cursos online para confeiteiros e amantes da área. Fica ligada ou ligado aí que te aviso quando tiver mais novidades!
 

Nani ManTovani

[ imprensa... ]

1

2

Folha de S. Paulo, caderno "O melhor de São Paulo 2015 - Comidinhas & Guloseimas", página 90

"Depois de ter trabalhado na Cuordicrema e na Chocolat des Arts, a confeiteira Stephanie Mantovani juntou as especialidades dessas casas, sorvete e chocolate, em um endereço só. [...] é possível experimentar bombons, em 12 sabores, caso do Addolcire, que leva ganache de crème brûlée com limão siciliano [...]."

"[...]Durante as duas horas de encontro, a chef ensinou aos assinantes a fazer quatro bombons:  mineirinho (limão com conhaque), pimenta, castanha caramelizada e queijo e goiabada, no melhor estilo Romeu e Julieta. Os presentes, além de levar as preparações para casa, tiveram a oportunidade de tirar dúvidas e aprender mais sobre o mundo do chocolate.[...]"

3

Revista TOP Magazine

A pouca idade é inversamente proporcional ao talento e maturidade de Stephanie Mantovani, chef da confeitaria Addolcire [...]. Aos 21 anos, a jovem sustenta um currículo respeitável [...]. "Aproveitei a faculdade para conhecer todas as áreas da gastronomia, e quando chegou a vez da confeitaria, me apaixonei. [...]. Quero que as pessoas conheçam a mim e aos meus funcionários, de preferência até os nomes." [...]. Tamanha doçura só confirma o domínio e a intimidade que a chef exprime pela área escolhida."

4

"Tal como num creme brûlée, é preciso romper a casquinha de açúcar [do ovo de Páscoa] com a colher para encontrar uma ganache. O sabor cítrico do limão-siciliano é um alento à doçura da guloseima, montada sobre uma casca de chocolate belga com 54% de cacau."

5

"No time dos tradicionais, este pão de mel da Addolcire surpreendeu. Cremoso, molhadinho e cheio de sabor, mesmo depois de aberto."

6

A Addolcire é a casa criada pela experiente chef Stephanie Manto­vani, que passou pela Carpigiani University. Suas criações especiais de verão também atendem pessoas com dietas diferenciadas, a maioria vegana. “Nossos sorbets levam até 70 % de fruta”, diz Stephanie. Pink Lemonade, laranja e gengibre, morango e tomilho e espumante Salton – são os destaques de verão.

foto: Thays Bittar